O cântico de Ana

 [Nova Série Bíblica: Cânticos da Bíblia] Olá,  sejam bem-vindos. A série de novembro começa hoje aqui no blog e quero dizer que já estou maravilhada com a palavra do Senhor.    
Antes de definir esta nova série bíblica eu cheguei a me perguntar o que poderíamos aprender com os cânticos da Bíblia mas como tudo o que está nas Escrituras é necessário para nós, você vai ver o TANTO que Deus tem para falar e nos ensinar por meio dessas poesias. 
Na série não vai entrar todos os cânticos que têm na Bíblia e também não vou seguir a cronologia mas escolhi alguns e nesta semana, a partir de hoje, vamos ler e meditar nesses textos maravilhosos e saber o QUANTO Deus é grande, poderoso e infalível. Um Deus fiel e justo que cumpre as Suas promessas.   

Acompanhe as postagens da série neste blog e junto com a sua Bíblia Sagrada seja edificado (a) ainda mais pelo Espírito Santo.
Tudo é pela misericórdia divina. 

O cântico de Ana 

"ENTÃO OROU Ana e disse: O meu coração exulta ao Senhor, o meu poder está exaltado no Senhor; a minha boca se dilatou sobre os meus inimigos, porquanto me alegro na tua salvação. 
Não há santo como o Senhor; porque não há outro fora de ti...

Não multipliqueis palavras de altivez, nem saiam coisas arrogantes da vossa boca; porque o Senhor é o Deus da sabedoria e por ele as obras são pesadas na balança.

O arco dos fortes foi quebrado e os que tropeçavam foram vestidos de força.
Os que antes eram fartos se alugaram por pão, mas agora cessaram os que eram famintos; até a estéril deu à luz sete filhos e a que tinha muitos filhos enfraqueceu.

O Senhor é o que tira a vida e a dá; faz descer à sepultura e faz tornar a subir dela.

O Senhor empobrece e enriquece; abaixa e também exalta.

Levanta o pobre do pó e desde o esterco, exalta o necessitado, para o fazer assentar entre os príncipes, para o fazer herdar o trono da glória; porque do Senhor são os alicerces da terra e assentou sobre eles o mundo.

Os pés dos seus santos guardará, porém os ímpios ficarão mudos nas trevas; porque o homem não prevalecerá pela força.

Os que contendem com o Senhor serão quebrantados, desde os céus trovejará sobre eles; o Senhor julgará as extremidades da terra, dará força ao seu rei e exaltará o poder do seu ungido." 

(I Samuel 2. 1 ao 10) 


O que Deus tem a falar e nos ensinar hoje por meio desse lindo cântico? 

Primeiro, que tudo é sobre Ele.
Deus vem antes do ser humano e deve estar em primeiro lugar.
Nesse cântico nós vemos QUEM é Deus e o que Ele faz. 

E Ana conhecia este Deus.
Ela não tinha nenhuma dúvida do poder e da justiça divina. 

Ana já sabia antes e no momento do louvor não economizou palavras para EXALTAR o Senhor. 

O Deus de Ana que é o mesmo que o nosso, é um Deus forte, santo e soberano.  



E por que ela estava tão alegre e grata a ponto de compor um hino poético? 
Porque o seu Deus, em quem ela confiava e obedecia, atendeu a sua oração. 
Deus atendeu o seu pedido de se tornar mãe. 

Depois de um período de infertilidade quando passou por muita angústia e humilhação, Ana agora tinha muito mais motivos para comemorar e louvar o seu Deus. 
Mesmo no tempo difícil, Ana foi uma mulher que nunca deixou de adorar e obedecer. Com o seu marido, ela subia todos os anos para a casa do Senhor, em Siló, a fim de oferecer sacrifícios ao Deus de Israel. 
A outra mulher de seu marido, Penina, que tinha gerado filhos e filhas, se achava superior a Ana e a irritava profundamente, a ponto de fazer Ana chorar e deixar de comer. 

Até que um dia a provocação foi tanta e Ana se sentia tão amargurada e infeliz, já cansada de toda a humilhação e sofrimento, que ela, perante o Senhor e em oração, fez um voto: 

"Senhor dos Exércitos! Se benignamente atentares para a aflição da tua serva, de mim te lembrares e da tua serva não te esqueceres, mas à tua serva deres um filho homem, ao Senhor o darei todos os dias da sua vida e sobre a sua cabeça não passará navalha." 

Esse foi o voto de Ana. 
Foi uma oração do fundo de seu coração e com muito choro.

"... e adoraram perante o Senhor...
e o Senhor se lembrou dela." 

Ana então teve o seu esperado filho.
Nasceu Samuel:

"o tenho pedido ao Senhor."  - disse Ana. (I Samuel 1).

Deus OUVE orações e ATENDE a petições.  
Tira da humilhação e exalta.
Ele toma e dá para quem ele quer.  

É o Senhor quem faz justiça ao aflito e necessitado.
Ele faz ficar pobre e faz enriquecer.
Abaixa e exalta.
Dá a vida e tira a vida.

Depois que Ana teve o seu desejo atendido, não houve mais menção de Penina. 
Certamente não tinha mais o que falar de Ana e a ela só restou ver a vitória de quem ela tanto tinha menosprezado.
Sabe por quê? 
Ninguém é melhor do que ninguém.  
É Deus quem decide o tempo de cada um e quem é o ser humano para falar ou agir com soberba e arrogância?
Quando pensar em humilhar alguém, é melhor ficar de boca fechada porque o único que é grande e perfeito é o Senhor: 

"Não multipliqueis palavras de altivez, nem saiam coisas arrogantes da vossa boca; porque o Senhor é o Deus da sabedoria e por ele as obras são pesadas na balança." 

Ana venceu. Sabe por quê?  
Porque ela confiou em Deus e não se apartou dele em nenhum momento. 
Ela orou e esperou o tempo da vitória e quando aconteceu, cumpriu o seu voto.
Ao desmamar Samuel, que tinha cerca de 3 anos de idade, o levou para a casa de Deus para assim servir ao Senhor e ficar lá todos os dias de sua vida.
Samuel foi o último juiz de Israel e se tornou um respeitado profeta. Ele também chegou a ungir os dois primeiros reis da nação: Saul e Davi. 

Depois Ana ainda teve mais 5 filhos e o seu exemplo de devoção e reverência a Deus ficou para a posteridade.

Deus escreve lindas histórias para quem O adora de verdade.
Pode vir o tempo da humilhação, da escassez, e mesmo da perda. Mas para quem O serve e confia nele, a vitória chega.
E a exaltação é sempre muito maior do que a luta. 
Deus faz coisas para que todo mundo veja e se lembre depois. 
Os altivos e soberbos então ficam calados.
Os que confiam apenas em si mesmos, na sua própria força e contendem com o Senhor, ficam envergonhados.
Porque o todo o poder e glória pertencem a DEUS.

Nunca desista de adorar a Deus.
Nunca duvide da fidelidade e justiça divina. 
Seja submisso (a) a Sua vontade e reverencie o Deus da Glória.
Pois, é SOMENTE a ELE quem devemos servir e adorar. 
Ana não podia ter filhos e imagine o que ela passou, pois naquele tempo a esterilidade de uma mulher era vista com maus olhos.
E você? O que te falta? 
Qual tem sido o teu problema que faz até mesmo as pessoas duvidarem de que Deus é com você, como aconteceu com Ana?
Ore e apresente a Ele toda a sua dor e amargura. Derrame o seu coração como Ana fez. 
E você verá o Deus de Ana, e que é descrito nesse cântico, agir em tua vida. 

E nunca se esqueça que o poder e toda a boa dádiva vem de Deus.

"Levanta o pobre do pó e desde o esterco, exalta o necessitado, para o fazer assentar entre os príncipes, para o fazer herdar o trono de glória; porque do Senhor são os alicerces da terra e assentou sobre eles o mundo."   

Eu espero que Deus tenha falado ao teu coração como falou comigo através desta mensagem.
Desde a primeira leitura e estudo nesta semana, o Espírito Santo me tocou porque essa palavra não é de nenhum ser humano mas vem do Senhor.

Esta série continua na próxima terça-feira com outro cântico poderoso da Bíblia. 
Leia a Bíblia Sagrada todos os dias e me acompanhe aqui no blog porque Deus tem sempre uma nova mensagem para nós. 

Obrigada pela visita. 






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SALMO 46 - A Fé Perfeita em Deus

Salmo 6 - " Davi recorre à misericórdia de Deus e alcança perdão "

SALMO 91 - LIVRAMENTO