Mulheres da Bíblia: Maria e Dorcas (Tabita)

 


[ Série Bíblica: Mulheres da Bíblia ]   
Final: E para encerrar a série, hoje eu falo sobre Maria, a mãe de Jesus, e Dorcas ou Tabita, discípula do tempo da igreja primitiva. 

MARIA 

Maria era uma humilde jovem judia que estava noiva de José. Um dia, tudo mudou para ela quando recebeu a visita do anjo Gabriel em sua casa. Ele a saudou com palavras de honra e ela ficou sem entender do que se tratava - pois vivia uma vida normal e sem grandes expectativas.
E de repente, ela recebe uma mensagem que dizia que ela seria a mãe do Salvador:

"Salve, agraciada! O Senhor é contigo! Bendita és tu entre as mulheres! Maria, não temas, porque achaste graça diante de Deus." 

Maria foi escolhida por Deus. Ela era uma jovem anônima mas o Senhor já a conhecia. E certamente se agradou dela e de seu coração. 
"E eis que em teu ventre conceberás e darás à luz um filho e pôr-lhe-ás o nome de Jesus." 

Depois do anjo lhe explicar como isso aconteceria (visto que ela era virgem - mas conceberia por obra do Espírito Santo), ela se dispôs a aceitar o plano de Deus: 
"Eis aqui a serva do Senhor; cumpra-se em mim segundo a tua palavra." 

Com estas palavras, Maria mostra a sua submissão ao Senhor. De fato, ela era uma serva fiel a Deus.
O anjo também lhe noticiou que sua prima, Isabel, já idosa, estava grávida (de João Batista). Então Maria foi visitar Isabel e ficou com ela por quase 3 meses - de certo para ajudá-la.
O cântico de Maria também demonstra toda a sua gratidão a Deus e a alegria de seu espírito:

"A minha alma engrandece ao Senhor,
E o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador; 
Porque atentou na baixeza de sua serva; pois eis que desde agora todas as gerações me chamarão bem-aventurada,
Porque me fez grandes coisas o Poderoso; santo é seu nome." 
Jesus nasceu e foi crescendo e Maria foi se mostrando uma mãe atenta e amorosa. 
Quando ele ficou lá no templo no meio dos doutores e seus pais o acharam, ela lhe diz: 

"Filho, por que fizeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos."
E desceu com eles, e foi para Nazaré, e era-lhes submisso. E sua mãe guardava no seu coração todas estas coisas." 

Quando Jesus iniciou o seu ministério terreno, por ocasião de um casamento em que ele e seus discípulos tinham sido convidados, sua mãe também estava presente.
Ela então lhe diz que o vinho havia acabado e é quando Jesus opera o seu primeiro milagre - transformou água em vinho.

Maria, na medida do possível, sempre estava próxima de Jesus. Ela era uma mãe presente.
E não foi diferente quando chegou o momento do Calvário. Ela estava ali, diante da cruz, vendo o seu amado filho crucificado.
Imagine a dor para uma mãe... ver o seu filho morrer...
Mas Jesus também nunca a abandonou. Ele diz:
"Mulher, eis aí o teu filho.
Eis aí tua mãe."
O discípulo amado - João - recebeu em sua casa a mãe de Jesus. 

Maria foi até o fim.
Isso nos mostra que DEUS NUNCA ERRA.  
Maria foi um exemplo de mulher obediente e fiel ao Senhor.
E também uma mãe cuidadosa e amorosa com o seu filho.
Mas nunca devemos pensar nela como alguém maior do que Jesus. E sim o contrário.
Jesus é o Senhor e Maria também foi serva: 
"Sua mãe disse aos serventes: Fazei tudo quanto ele vos disser." 

******************************************

DORCAS (TABITA) 

Dorcas, também chamada de Tabita, era uma mulher que servia a Deus e ficou conhecida na cidade onde morava, Jope, por suas boas obras e ações de caridade que fazia.
Ela não era apenas uma discípula ou religiosa mas demonstrava toda a sua fé e amor por meio de obras. 
Dorcas fazia roupas e túnicas para as muitas viúvas daquele lugar, pois Jope era uma bela cidade costeira e os homens daquele lugar por vezes perdiam suas vidas nas águas perigosas do mar, deixando assim suas mulheres desamparadas.

"E havia em Jope uma discípula chamada Tabita, que traduzido se diz Dorcas. Esta estava cheia de boas obras e esmolas que fazia."  

Mas um dia, Dorcas ficou doente e acabou morrendo.
O luto entre seus vizinhos e amigos foi grande.
Então eles ouviram falar que o apóstolo Pedro estava na cidade de Lida que era perto dali e o mandaram chamar.
Quando Pedro chegou, ele subiu até um quarto alto onde haviam colocado o corpo de Dorcas.
As viúvas o rodeavam e mostravam para ele tudo o que Dorcas havia feito por elas.
Mas Pedro pediu que saíssem todos e de joelhos orou. Voltou-se para o corpo e disse: 
"Tabita, levanta-te."   

Assim, Dorcas voltou à vida. Foi ressuscitada pelo poder de Deus.

"E ele, dando-lhe a mão, a levantou e, chamando os santos e as viúvas, apresentou-lha viva." 

Dorcas servia a Deus e às pessoas ao seu redor. Ela era uma mulher que tinha OBRAS para mostrar e um dia chegou o momento de Deus fazer uma grande obra na vida dela.
Isso nos mostra que o que ela fazia não a tornava melhor do que ninguém mas que por ter um coração generoso e fazer o bem ao seu próximo, ela agradava a Deus. 

E tudo o que ela fazia o Senhor contemplava e ela conquistou ainda a gratidão e reconhecimento das pessoas que a conheciam.

A história de Dorcas ficou registrada nas Escrituras Sagradas não por acaso.
Ela sempre será uma referência de boas obras e amor ao próximo.
Dorcas mesmo sem ter uma única palavra dita por ela registrada, fez a diferença neste mundo.

"E foi isto notório por toda a Jope e muitos creram no Senhor."

E qualquer uma de nós, mulheres, podemos fazer também.
Nós cremos e servimos ao mesmo Deus.  

Textos bíblicos:
Lucas 1
Lucas 2
João 2.5
João 19.26-27
Atos 9.36 em diante
Consulta:
A Bíblia da Mulher (Sociedade Bíblica do Brasil)
******************************************
A série bíblica "Mulheres da Bíblia" termina aqui.  
Não trouxe todas as mulheres que são mencionadas na bíblia mas procurei selecionar algumas das mulheres sábias que escolheram agradar a Deus.
Isso não quer dizer que nunca tenham cometido erros - afinal eram humanas - mas suas histórias nos provam que: 

Deus sempre vai honrar a nossa fé, coragem, obediência e fidelidade a ele.
Deus ama as mulheres.  
E sempre, sempre se importa com elas.
Ele sempre tem um plano perfeito para cada uma.
Cabe tão-somente a nós confiar nossa vida e nosso futuro a ele.

Mesmo já conhecendo suas histórias, ao fazer as leituras e estudos bíblicos, eu aprendi MUITO com cada uma.
Para ler os outros posts da série clique nos links abaixo: 








Comentários