Lições de Jesus - 1

[Lições de Jesus - 1] A partir de hoje, aos domingos, vai ter aqui no blog "Lições de Jesus". Serão mensagens trazendo valiosas lições do Mestre por meio de situações que ele viveu e histórias que contou. Ensinamentos que servem para todas as áreas de nossa vida, da material à espiritual. 
Leia e seja edificado. 
Não vou chamar de série bíblica ou de especial mas vou numerar cada licao. 
Peco que você acompanhe e leia na Bíblia Sagrada cada texto bíblico. 
Vamos ver, mais uma vez, como Jesus é demais! 


LIÇÕES DE JESUS - 1 


"E, de manhã, voltando para a cidade, teve fome; 
E, avistando uma figueira perto do caminho, dirigiu-se a ela e não achou nela senão folhas. E disse-lhe: Nunca mais nasca fruto de ti! E a figueira secou imediatamente." 
(Mateus 21. 18-19) 


Jesus já estava em Jerusalém para a Páscoa. 
Ele chegou à cidade de maneira triunfal sendo aplaudido e honrado por grande multidão. 
O Filho de Deus vivia os seus últimos dias antes da crucificação. 
Tendo passado a noite em Betânia com os seus discípulos, de manhã voltou para Jerusalém.

Jesus estava com fome. 
Ele pode ter passado a noite inteira em oração e não havia se alimentado.
Então ao ver adiante uma árvore frutífera, o Filho de Deus esperou achar nela alimento.
Mas ao se aproximar, não encontrou nenhum fruto, apenas folhas. 
Por causa disso, aquela árvore foi amaldiçoada.
E assim, a bonita figueira secou-se para sempre. 






A lição da figueira 


Com essa situação ocorrida com o Filho de Deus, podemos refletir e tirar lições para a nossa vida espiritual. Afinal, é isso o que o Senhor deseja quando nos traz a sua palavra. 

O que aprendemos com a licao da figueira? 

Algo fundamental: 

Nós podemos ser como aquela figueira: bonita,  cheia de folhas e prometer muitos frutos.
Quando Jesus olha para nós e se aproxima, ele espera encontrar algo. 
Mas o Senhor não deseja encontrar apenas "folhas". Para ele o que mais importa são os frutos.
Pois, de nada adianta ter uma aparência bonita e não produzir algo de valor. 

Continuando a comparação da figueira com a nossa vida espiritual: 

Será que estamos sendo cristãos apenas de aparência? 
Prometendo "frutos"...
Mas quando o Senhor vai olhar mais de perto, procurar esses frutos, ele não os acha?

Estamos produzindo frutos para Deus ou não?
O que temos oferecido para o Senhor? 

Em outras passagens bíblicas dos evangelhos, nós podemos ver a importância de se "produzir frutos". 
Jesus sempre vai esperar algo de nós.
Em João 15 está registrado a "Parábola da Videira", onde o Mestre diz que ele é a videira verdadeira e o seu Pai é o lavrador: 

"Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que de mais fruto.
Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado.
Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer." 

Precisamos estar com Jesus para ter uma vida espiritual frutífera.
"Limpos" pela sua palavra e produzindo frutos.
Mas que "frutos"?

Frutos de arrependimento: 

"Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento;" - Mateus 3.8

Mostremos, pelas nossas ações e atitudes, que nos arrependemos de nossos pecados.

Frutos de amor: 

"O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei." - João 15.12 

O amor para com Deus e para com o próximo, é outro grande exemplo de fruto que há.

Frutos bons: 

"Assim, toda a árvore boa produz bons frutos e toda a árvore má produz frutos maus.
Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lanca-se no foho." - Mateus 7. 17 e 19 

Há também os frutos bons e os frutos maus. 
Estamos produzindo frutos e como são esses frutos?
São para a glória de Deus ou para a vergonha do Evangelho?  


Mais: cada ensinamento do Senhor pode ser aplicado nas outras áreas de nossa vida e não somente na espiritual, afinal tudo anda junto.
Os nossos "frutos" para Deus envolvem também o que fazemos por nós mesmos (auto-cuidado) e pelos outros.
Vamos nos lembrar de quem está longe, abracar os de perto, ajudar quem precisa, orar por todos... 


Lição final 


Coisa séria é quando o Senhor não quiser nos dar uma nova chance tal como fez com aquela figueira.
Muito triste será se Jesus olhar para nós e, não encontrando o que procura, desistir e não esperar mais nada de nós.

Como vamos estar quando o Senhor Jesus nos encontrar? 

Pense na lição da figueira. 

"Nisto é glorificado meu Pai, que deis muito fruto; assim sereis meus discípulos.

Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneca; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda."
(João 15. 8 e 16) 


E no próximo domingo, querendo Deus, teremos mais outra lição de Jesus ❤ 

Não perca.