A benção do matrimônio

Aproveito a data comemorativa para falar de algo tão importante, tem de ser levado a sério. Relacionamento afetivo não é algo pra se brincar e deve ser construído de acordo com a palavra de Deus. Se contrapõe a ótica do mundo atual mas a bíblia também é atual e o que continua valendo é a determinação do Altíssimo.
Esta mensagem é para cristãos e não cristãos, com todo o respeito, e não falo apenas do aspecto espiritual, pois, há pessoas e há casais descrentes que dão lindo exemplo de amor e verdade enquanto que vários religiosos vivem de "aparências".

O que é amor pra você?
Como você acha que deve ser um relacionamento?

Antes de mais nada, relacionamentos envolvem pessoas, seres humanos dotados de intelecto e também sentimentos, isto é, razão e emoção.
Se você se envolve com alguém, sabe que está se envolvendo com um semelhante (da mesma raça humana) e deve saber que o outro deseja ser tratado bem - tal qual você também almeja.
Use sempre a razão e os sentimentos em uma relação para não prejudicar o outro nem a si próprio.
Deus é o criador da raça humana, o seu maior mandamento é o Amor, então se você não ama, por que está em um relacionamento?
Se você não tem intenção de prosseguir e investir nessa relação, por que continua nessa farsa?
Ou se é você o enganado ou a enganada, por que vai continuar aceitando isso?
Deus conhece os corações e sabe quem é de verdade.
Se você mente, se não tem responsabilidade afetiva e não honra o compromisso de um relacionamento, você está pecando. Pode continuar enganando mas Deus já sabe quem você é. 


Não se brinca com relacionamento, com a vida e o sentimento das pessoas.
Também não se deve brincar de casar.


pixabay 


Fala-se muito que antigamente os casamentos duravam, isso é verdade.
Hoje, o que mudou ou o que causou e fez aumentar os rompimentos?
São vários fatores que contribuem para a curta duração das uniões: banalização do amor, ruptura e distorção de valores, falta de comprometimento, falhas na comunicação, abusos, falta de auto conhecimento, desvalorização de si próprio...

Esses problemas não são novos mas hoje estão em proporções gigantescas porque se banalizou o amor, a paixão, o casamento. Sendo que essa não é a vontade de Deus. Muito pelo contrário. 
Hoje, muitos homens e muitas mulheres vivem brincando de se relacionar, não têm critério, não reconhecem seu valor e depois... A vida se torna mais difícil e as marcas são inevitáveis.
Não é isso que Deus projetou para o ser humano.
Ele não criou ninguém pra ser usado.
Ele não quer ninguém infeliz e nem vivendo na hipocrisia.
Por isso, ao pensar em amor, lembre-se de Deus e do que ele deseja para a sua vida: só ou acompanhado mas que viva de forma verdadeira e saudável. "Antes só do que mal acompanhado." Acredite nisso.
Deus nunca idealizou para o homem e a mulher uma relação abusiva, de desrespeito e dor.
Lógico que a vida não é um mar de rosas mas mentira, falsidade, violência, hipocrisia não cabem numa história de amor.


pixabay 


Somente comece uma relação afetiva se você tiver certeza de que é isso mesmo que quer, se há de fato, admiração e paixão, porque senão, esquece, será melhor pra todo mundo.

Relatos de casais que estão juntos e casados há muito tempo dão conta que a admiração de um pelo outro, a paixão (se casaram e continuam apaixonados) e o cuidado pelo compromisso assumido os fizeram continuar.
Se você não ama, se não acredita na outra pessoa, tem dúvidas, se acha que o outro não é suficiente pra você, não case. Não brinque, porque Deus cobra. A vida cobrará uma decisão mal tomada.

Relacionamento envolve pessoas, são dois lados.
Os dois lados devem ter total responsabilidade pelas suas ações e atitudes em relação ao outro e devem estar cientes se querem ou não manter um compromisso que os levará ao matrimônio.
Pois, se não for pra casar, não invente, nem comece nada.
Conhecer a si próprio antes, para saber o que realmente deseja ter na vida e o que lhe atrai, saber ser feliz sozinho e cuidar de si para depois, se for sua vontade, conhecer outra pessoa e juntos construírem uma história, é importante.
Ninguém é perfeito e alguns erros são inevitáveis mas há aqueles erros que tem relação com o caráter como por exemplo: mentir, ser desonesto ou desonesta, trair, "usar as pessoas" e outros.
Deus é justo e não vai abençoar quem pratica injustiça com o seu próximo.
Esse negócio de "ficar", namoro sem compromisso, trair, sair por aí beijando, é pecado, e o Senhor vai cobrar, principalmente dos cristãos porque eles devem ser exemplos de santidade e não de devassidão.
Cristãos evangélicos deveriam seguir a máxima: "crente não namora, se prepara pra casar."
O Senhor Deus é santo e não concorda com a imoralidade.

"Venerado seja entre todos o matrimônio...
porém, aos que se dão a prostituição, e aos adúlteros, Deus os julgará."

(Hebreus 13.4)

A violação daquilo que o Senhor Deus já santificou, custa caro. Não brinque com algo tão importante.
Não "use" as pessoas nem se deixe vender, não se envolva com gente comprometida.

O criador, dono do amor, contempla os corações e as intenções e está pronto a abençoar as uniões verdadeiras e o compromisso sério.
O Senhor Deus já abençoou o matrimônio (casamento).
Se é de verdade, se tem amor, invista, assuma o compromisso e se case.
E se já vivem felizes, parabéns.

A Bíblia Sagrada fala de amor, e de como o amor é forte e grandioso. Acredite nessa força:

"Põe -me como selo sobre o teu coração, como selo sobre o teu braço, porque o amor é forte como a morte, e duro como a sepultura o ciúme; as suas brasas são brasas de fogo, labaredas do Senhor.

As muitas águas não podem apagar este amor, nem os rios afoga-lo; ainda que alguém desse todos os bens de sua casa pelo amor, certamente o desprezariam."

(Cantares 8. 6-7)


pixabay 


O amor não enfraqueceu, segundo a bíblia, ele é poderoso e cheio de paixão.
Esse amor vence as "tempestades" e é á prova de interesses.
O que tem causado tanta desgraça na vida das pessoas e em seus relacionamentos, é a falta de observar a palavra de Deus: honrar sua palavra e seu compromisso porque o Senhor certamente honra as suas promessas.
O relaxamento de valores fundamentais para o ser humano como a moral, tornou os laços frágeis e banalizou o que não pode ser banalizado. Mas pra Deus, o que é certo continua valendo. A bíblia não vai mudar para se adequar a nenhum novo padrão de relacionamento. Quem quiser, se adeque a vontade de Deus.
Viver de forma diferente, fora do padrão divino, é ilusão. No fim, se continuar assim, você vai perceber o grande equívoco em que acreditou.
Um matrimônio abençoado é onde há verdade e amor.
Casamento é entre 2 pessoas, não 3, 4 ou mais gente.
Se guie primeiramente pela vontade do Senhor, expressa na Bíblia Sagrada.
Acredite: ele torce pela sua felicidade.

Lhe desejo felicidades e muita paz.

pixabay 



Diga não a violência. Se não deu certo, se não há reciprocidade, siga em frente o seu caminho. Respeite a liberdade de decisão do outro. Lá na frente você vai ter respostas.
Supera, pelo amor de Deus. Não faz bobagem.
É difícil mas Deus te ajuda a passar por esse momento se você se apegar a Ele.
Não abuse de uma mulher, não abuse de um homem.
Pois não foi isso o que Jesus Cristo ensinou.

pixabay 

Afinal, o maior mandamento é o amor.
A falta de amor e de perdão tem destruído muitos lares e famílias no mundo todo.
Não entre e nem coloque ninguém nessa estatística.
Não ultrapasse os limites colocados pelo Supremo Criador de todas as coisas, ele é o Justo Juiz.


Com esta mensagem espero ajudar de alguma forma e lembre-se de sempre colocar a vontade de Deus acima de sua vontade pois o Senhor sabe do futuro e o que nos espera lá na frente.
Nunca duvide de que Ele só quer o melhor para nós.
Você pode escolher mas pergunte a Deus se essa é a melhor escolha.

"Pessoas com a vida bagunçada vão bagunçar sua vida."




 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SALMO 91 - LIVRAMENTO

A família de José

Mulheres da Bíblia: Rute e Ester