Salomão e a Sabedoria

 Dando continuidade à série "Histórias da Bíblia" hoje eu irei contar a história de Salomão, um homem que foi muitíssimo bem-sucedido em sua vida, tanto no aspecto material quanto no aspecto espiritual.

Este já é o 4° personagem bíblico sobre o qual escrevo no blog e se você não leu as histórias de Abel e Enoque, clique aqui e para ler sobre Abraão clique aqui.

Agora vamos saber mais sobre Salomão, sua vida e reinado e o seu relacionamento com Deus.

----------------------------------------------------------------------------------------------

Em primeiro lugar Salomão já era conhecido pelo povo de Israel pois ele era filho do rei Davi e sua mãe era Bate-Seba.

Davi já velho e se aproximando o dia de sua partida daqui da terra, tomou o cuidado de instruir o seu amado filho e lhe deu vários conselhos. Vamos ver um deles: 

"E APROXIMARAM-SE os dias da morte de Davi; deu ele ordem a Salomão, seu filho, dizendo: 

Eu vou pelo caminho de toda a terra; esforça-te, e sê homem. 

E guarda a ordenança do Senhor teu Deus, para andares nos seus caminhos, para guardares os seus estatutos, os seus mandamentos, os seus juízos e os seus testemunhos, como está escrito na lei de Moisés; para  que prosperes em tudo quanto fizeres e para onde quer que fores."

(I Reis 2. 1,2,3)

O rei Davi, um personagem bíblico muito conhecido, foi um homem diferenciado que serviu à Deus e foi fiel até o fim. Ele errou sim, em alguns momentos de sua vida, mas chegou ao arrependimento.

Então o que ele mais queria era que seu filho Salomão também servisse à esse Deus porque Davi sabia que Ele é um Deus fiel que cumpre suas promessas de bençãos e honra aos que andam em seus caminhos.

Davi morreu e Salomão se tornou o novo rei de Israel. Ele ainda era jovem e a Bíblia diz assim: 

"E Salomão se assentou no trono de Davi, seu pai, e o seu reino se fortificou sobremaneira." (I Reis 2.12)

Por aí já vemos que Salomão começou bem e com um reino aprovado pelo povo.

Ele se casou com a filha de Faraó e já tinha grandes projetos em andamento:

Era de sua incumbência edificar a casa do Senhor (o templo), sua própria casa e a muralha de Jerusalém.(I Reis 3.1)

"E Salomão amava ao Senhor, andando nos estatutos de Davi seu pai; somente nos altos se sacrificava e queimava incenso." (I Reis 3.3) 


Salomão e Deus

Salomão já era rei, estava estabelecido no trono mas em seu interior ainda haviam dúvidas, insegurança e incertezas.

E em uma bela noite algo muito maravilhoso lhe acontece: 

Deus lhe aparece: 


"Naquela mesma noite Deus apareceu a Salomão e disse-lhe: 

Pede o que queres que eu te dê.

E Salomão disse a Deus: Tu usaste de grande beneficência com meu pai Davi e a mim me fizeste rei em seu lugar.

Agora, pois, ó Senhor Deus, confirme-se a tua palavra, dada a meu pai Davi; porque tu me fizeste reinar sobre um povo numeroso como o pó da terra.

Dá-me, pois, agora, sabedoria e conhecimento, para que possa sair e entrar perante este povo; pois quem poderia julgar a este tão grande povo?


Então Deus disse a Salomão: Porquanto houve isto no teu coração e não pediste riquezas, bens, ou honra, nem a morte dos que te aborrecem, nem tampouco pediste muitos dias de vida, mas pediste para ti sabedoria e conhecimento, para poderes julgar a meu povo, sobre o qual te constituí rei,

Sabedoria e conhecimento te são dados; também te darei riquezas, bens e honra, quais não teve nenhum rei antes de ti e nem depois de ti haverá."

(II Crônicas 1. 7 ao 12) 

Olha que coisa linda foi essa!

Deus apareceu a ele pronto a atender os desejos de seu coração.

Salomão não pensou em outra coisa a não ser em pedir Sabedoria e Conhecimento.

Ele sabia que iria precisar e que para ser um bom rei, deveria sempre agir corretamente.

Ele não estava pensando apenas nele, mas estava preocupado com o seu povo.

Deus se agradou muito de seu pedido.

E Salomão foi agraciado com sabedoria, conhecimento e com muito mais.

Até o que ele não pediu o Senhor lhe deu: riquezas, glória e honra.

Como este Deus é lindo. Ele tem tudo a nos oferecer.

A vida, a prosperidade, as vitórias estão em suas mãos. 

Mas não vamos nos esquecer de coisas mais importantes ainda: aquilo que nos capacita para fazer a vontade divina.

---------------------------------------------------------------------------------------------

Salomão e a Sabedoria

"E deu Deus a Salomão sabedoria, muitíssimo entendimento e largueza de coração, como a areia que está na praia do mar.

E era a sabedoria de Salomão maior do que a sabedoria de todos os do oriente e do que toda a sabedoria dos egípcios.

E disse três mil provérbios e os seus cânticos foram mil e cinco.

Também falou das árvores, desde o cedro que está no Líbano até o hissopo que nasce na parede; também falou dos animais e das aves, dos répteis e dos peixes.

E vinham de todos os povos a ouvir a sabedoria  de Salomão e de todos os reis da terra que tinham ouvido da sua sabedoria." 

(I Reis 4. 29,30,32 ao 34) 

Pense que Salomão foi o homem mais sábio que já existiu em toda a terra.

Ele sabia de tudo, ele falava sobre tudo e todo esse entendimento e sabedoria vinha de Deus.

Porque tudo o que é bom vem do Criador.

E Deus abençoou tanto a Salomão mas tanto que tudo o que ele quis fazer ele fez: construiu o templo ao Senhor, fez um belo palácio para si, tinha muitas e muitas riquezas e além do mais, havia paz no seu reino.

"Assim o rei Salomão excedeu a todos os reis da terra, tanto em riquezas como em sabedoria."(I Reis 10.23)

E a sabedoria dele era tamanha que a sua fama chegou em todo lugar: 

"E todos os reis da terra buscavam a presença de Salomão, para ouvirem a sabedoria que Deus tinha posto no seu coração." (II Crônicas 9.23) 

-------------------------------------------------------------------------------------

Salomão e a rainha de Sabá

A Bíblia relata lindamente esse encontro: 

"E OUVINDO a rainha de Sabá a fama de Salomão, veio a Jerusalém experimentar Salomão com enigmas (...) ; ela veio a Salomão e falou com ele de tudo o que tinha no seu coração.

E Salomão lhe respondeu a todas as suas questões; não houve nada que não lhe pudesse esclarecer.

Vendo, pois, a rainha de Sabá a sabedoria de Salomão e a casa que edificara;

E as iguarias da sua mesa, o assentar dos seus servos, o estar dos seus criados e as vestes deles; os seus copeiros e as vestes deles;  e a sua subida pela qual ele chegava à casa do Senhor, ela ficou como fora de si.


Então disse ao rei: Era verdade a palavra que ouvi na minha terra acerca dos teus feitos e da tua sabedoria.

Porém não cria naquelas palavras, até que vim e meus olhos o viram, na verdade não me disseram a metade da grandeza da tua sabedoria; sobrepujaste a fama que ouvi.

Bem-aventurados os teus homens e bem-aventurados estes teus servos, que estão sempre diante de ti e ouvem a tua sabedoria!

Bendito seja o Senhor teu Deus, que se agradou de ti para te colocar no seu trono como rei para o Senhor teu Deus; porque Deus ama a Israel, para estabelecê-lo perpetuamente; por isso te constituiu rei sobre eles para fazeres juízo e justiça."

(II Crônicas 9. 1 ao 12) 

Eu acho muito linda esta passagem bíblica de como a rainha de Sabá ficou maravilhada com o rei Salomão porque ela tinha ouvido muito falar dele e um dia, resolveu ir conhecê-lo e ver tudo com os seus próprios olhos.

Ela ficou muito impressionada com tudo o que viu e ouviu e lhe declarou essas belas palavras que acabamos de ler.

E é isto mesmo o que Deus faz na vida daquele que anda em seus caminhos.

O Deus de Salomão é o nosso e Ele deseja ver os seus filhos bem e vivendo em paz de tal forma que chame a atenção dos outros povos, do mundo. 

Porque o Deus dono de todo o saber e conhecimento, dono da vida, riquezas e honra é somente o Deus de Israel. Não há outro igual a Ele.

E por que muitas vezes achamos que não temos nada ou que não somos nada se servimos a um Deus tão lindo?

------------------------------------------------------------------------------------------------------

Os erros de Salomão

"E O REI SALOMÃO amou muitas mulheres estrangeiras, além da filha de Faraó: moabitas, amonitas, edomitas, sidônias e heteias.

E casou-se com setecentas princesas e trezentas concubinas; e suas mulheres lhe perverteram o coração.

Porque sucedeu que, no tempo da velhice de Salomão, suas mulheres lhe perverteram o coração para seguir outros deuses; e o seu coração não era perfeito para com o Senhor seu Deus, como o coração de Davi, seu pai,

Assim fez Salomão o que parecia mal aos olhos do Senhor e não perseverou em seguir ao Senhor, como Davi, seu pai."

(I Reis 11. 1 ao 8)

Deus adverte Salomão

"Pelo que o Senhor se indignou contra Salomão; porquanto desviara o seu coração do Senhor Deus de Israel, o qual duas vezes lhe aparecera.

Assim disse o Senhor a Salomão: Pois que houve isto em ti, que não guardaste a minha aliança e os meus estatutos que te mandei, certamente rasgarei de ti este reino e o darei a teu servo."

(I Reis 11. 9 ao 13) 

É desta forma que acontece: 

Deus vê o bem e vê o mal que praticamos.

Salomão ao errar não ficou isento de culpa e nem foi favorecido por Deus.

Ele acabou perdendo uma parte das bençãos que o Senhor tinha para sua vida.

Salomão ao se envolver com muitas mulheres também acabou seduzido pelos falsos deuses e deixou de ser fiel ao Deus verdadeiro.

Mesmo tendo recebido tanta coisa do Senhor, Salomão não foi fiel até o fim.

E no fim de sua vida, nem paz ele tinha mais no seu reinado:

"Levantou, pois, o Senhor contra Salomão um adversário, Hadade, o edomita; (...)

Também Deus lhe levantou outro adversário, a Rezom (...)

Até Jeroboão, (...) servo de Salomão, também levantou a mão contra ele."

(I Reis 11. 14, 23, 26) 

Por causa de sua desobediência Salomão teve uma grande perda:

Depois de sua morte o seu filho Roboão ficou com apenas 1 tribo de Israel e ao servo de seu pai, Jeroboão, foi lhe dado 10 tribos. (I Reis 11)

E Deus ainda deu uma pequena parte para o filho de Salomão por causa de Davi pois Deus vê e se lembra de quem persevera em seus caminhos mas se afasta de quem o deixa.



Comentários